Diogo Cata Preta

feeds

Acesso √† internet no pa√≠s aumenta 5% e chega a 38,2 milh√Ķes de pessoas

S√ÉO PAULO – O n√ļmero de pessoas que moram em resid√™ncias em que h√° computador com acesso √† internet subiu para 38,2 milh√Ķes, crescimento de 5% sobre o trimestre anterior e de 19% sobre o mesmo per√≠odo do ano passado, conforme dados divulgados nesta segunda-feira pelo Ibope/NetRatings. Em dois anos, o crescimento foi de 73%. Dessas pessoas com acesso, 24,4 milh√Ķes navegaram em novembro, aumento de 3% sobre o m√™s de outubro e de 13% sobre novembro de 2007.

O total de pessoas de 16 anos ou mais de idade com acesso em todos os ambientes – resid√™ncias, trabalho, escolas, lan-houses, bibliotecas, telecentros – foi de 43,1 milh√Ķes, no terceiro trimestre de 2008.

Cada um dos 24,4 milh√Ķes de usu√°rios ativos somou em m√©dia um tempo de 23 horas e 47 minutos de navega√ß√£o em novembro, 4% a menos que no m√™s anterior e 3% maior que em novembro de 2007. O Brasil manteve-se na primeira posi√ß√£o entre os pa√≠ses medidos com mesma metodologia. Ficaram mais pr√≥ximos do Brasil em novembro a Fran√ßa, com 23 horas e 45 minutos, e a Alemanha, que marcou 23 horas e 5 minutos.

– Os internautas dos outros pa√≠ses t√™m aumentado seu tempo de perman√™ncia, atra√≠dos principalmente por sites de relacionamento social, que s√£o os conte√ļdos que mant√™m as pessoas por mais tempo conectadas – comentou Jos√© Calazans, analista de m√≠dia do Ibope/NetRatings. – No Brasil esses sites de comunidades sempre representaram tamb√©m a maior parte do tempo on-line, mas outras categorias v√™m crescendo acima da m√©dia em tempo de navega√ß√£o por pessoa. ‘Autom√≥veis’, ‘Casa e Moda’, ‘Com√©rcio Eletr√īnico’, ‘Not√≠cias e Informa√ß√Ķes’, ‘Buscadores’ e ‘E-mail’ foram as que registraram o maior aumento do tempo de perman√™ncia por usu√°rio nos √ļltimos seis meses”.

Segundo José Calazans, as redes sociais e a possibilidade de se relacionar com os amigos atraem os usuários, que então passam a navegar também em outros sites.

– Nesse aspecto, os novos internautas brasileiros, que compraram computador nos √ļltimos dois anos, j√° superam a fase de conhecimento da internet pelas redes sociais e come√ßam a descobrir os outros conte√ļdos dispon√≠veis na rede – disse.


www.meuimportado.com


Comentários

Leave a Reply